VTE - Vale Transporte Eletrônico

VT Eletrônico já é realidade em 100% das empresas fortalezenses
O Vale-Transporte Eletrônico, em utilização nos ônibus do sistema de transporte urbano de Fortaleza desde agosto de 2004, substituiu definitivamente o vale-transporte em papel para todo o universo de usuários deste benefício.  De acordo com o Sindiônibus (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará), as empresas remanescentes, que ainda não migraram para o Vale-Transporte Eletrônico (VTE), estão sendo orientadas pelo SINDIÔNIBUS quanto aos riscos que estão incorrendo por concederem dinheiro aos seus empregados, contrariando de forma clara à Lei Trabalhista, estando sujeitas à aplicação de multas rigorosas pelos Organismos que regulam as Relações Trabalhistas como a DRT, por exemplo. Após as orientações fornecidas, tem sido cada vez mais freqüente a procura, por este conjunto de Empresas, no sentido de passarem a utilizar o VTE.
Atualmente o sistema eletrônico atende a mais de 228 mil usuários. Entre as principais vantagens do VTE estão o aumento da comodidade e segurança e a diminuição de filas nos terminais e dentro dos ônibus, explica o Superintendente do Vale-Transporte, Paulo César Vieira. “O sistema foi colocado em prática com resultados positivos e trazendo vantagens para todos, dos usuários dos ônibus urbanos aos profissionais das empresas de transporte”, explica.
Para o usuário que pretende adquirir passagens avulsas, estão sendo comercializadas, desde novembro de 2005, unidades do chamado Cartão Vale-Transporte Avulso. Estes cartões podem ser adquiridos em seis postos da Rede Chegue&Pague, além da sede do Sindionibus, na Av. Borges de Melo, 60. Diferentemente dos cartões utilizados por funcionários de empresas - que têm cor vermelha e correspondem ao benefício do vale-transporte, os Cartões Avulso – confeccionados na cor cinza – podem ser adquiridos por qualquer usuário do sistema, sendo inteiramente aplicados a usuários que pagam inteira, profissionais liberais, turistas e trabalhadores domésticos. Em sua aquisição, o cartão é gratuito, sendo necessário fazer uma primeira carga equivalente a 20 passagens, R$ 32,00. Depois disso, as recargas podem ser feitas em qualquer valor.
O SINDIÔNIBUS inaugurará, ao longo do mês de setembro, 04 novos Pontos de Venda de seus produtos em quatro terminais do Sistema Integrado de Transportes de Fortaleza: Antônio Bezerra, Papicu, Messejana e Parangaba. A instituição objetiva, com esta medida, atender com maior conforto e comodidade a cerca de 850.000 usuários de transportes que transitam diariamente por estes terminais. Em uma segunda etapa, o SINDIÔNIBUS deverá estender sua rede de atendimento aos terminais do Siqueira, Lagoa e Conjunto Ceará.
A mudança para a tecnologia do Cartão Eletrônico coloca Fortaleza ao lado de outras 70 cidades brasileiras onde o Vale-Transporte Eletrônico é utilizado com sucesso, como São Paulo, Curitiba, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Recife e Florianópolis. Com comercialização encerrada em 31 de março do ano passado, o vale-transporte em papel, terá validade conforme indicado no verso de cada bilhete, de forma a não prejudicar o usuário.

Saiba mais sobre o VTE